Maze Runner, Correr ou Morrer de James Dashner

segunda-feira, fevereiro 16, 2015


Sinopse completa • Páginas: 426 • Ano de lançamento: 2010 • Nota: 5 estrelas 
Primeiro volume da trilogia Maze Runner estrito pelo autor James Dashner. Publicado pela editora V&R.
Não recomendo para menores de 12 anos.

É difícil resenhar esse livro porque o James Dashner criou um mundo cheio de pequenos detalhes cruciais, então é complicado falar sobre o livro sem dar spoilers, mas vou tentar. Lembrando que não importa o que diga a sinopse ou as resenhas que você ver, o livro é muito mais do que isso. Muito, muito mais.

Tudo começa com o Thomas acordando em um elevador em movimento, tudo que ele se lembra é seu nome. Quando o elevador para, Thomas se depara com uma Clareira rodeada por quatro muros gigantes e ali vivem um grupo de jovens, todos garotos de idades próximas e que assim como Thomas só se lembram de uma coisa de seu passado, o próprio nome.

"Não existe saída. Só mais da mesma coisa. Muro depois de um muro depois de um muro. Sólido."

A cada trinta dias um novo garoto é enviado a Clareira pelo elevador e é assim a vida deles à alguns anos. Ninguém sabe o porque estão ali ou quem os enviou. Todos as manhãs os muros que os cercam se abrem e todas as noites eles se fecham. Cercando a Clareira à um Labirinto e todos os dias um grupo de garotos – chamados Corredores – saem na tentativa de encontrar uma saída daquele lugar. Mas tudo começa a mudar quando Thomas chega a Clareira. E pouco tempo depois todos ali não tem outra escolha se não encontrar uma saída no Labirinto o mais rápido possível para poderem sobreviver.

O tempo todo, graças a narrativa do livro, eu me senti ligada ao Thomas, todas as suas duvidas eram minhas também. E com isso o livro foi bem confuso até determinado ponto, confuso ao ponto de se tornar um pouco chato, mas em nenhum momento tive vontade de parar a leitura, eu tinha que saber o que iria acontecer, o que estava acontecendo.

O livro é em terceira pessoa, todo sob a perspectiva do Thomas, que é definitivamente o personagem mais curioso que eu já conheci, curioso ao ponto de irritar as vezes. Os outros personagens secundários são incríveis, descrevendo Newt e Chuck em três palavras: lindos, fofos e eu quero! Não foram três palavras mas okay.

Mas as duas melhores e criativas coisas de todo o livro foram as gírias usadas pelos Clareanos e o Labirinto, todo misterioso e assustador. Falando em coisa legais, uma coisa que eu gostei, é triste mas eu gostei, foi o jeito que o James Dashner retratou a realidade, criando personagens marcantes e não tendo dó de mata-los e fazendo com que os demais personagens superassem a perda e continuassem sua busca pela sobrevivência. 
"Sei quem você é - repetiu Alby lentamente. - Eu vi. Vi tudo. De onde viemos, quem você é."
Mas e você, já leu o livro? O que achou? Ou só ouvi falar dele? Me conta aí nos comentários ;)

Fica mais um pouco. Talvez goste desses:

4 comentários

  1. Gostei bastante da resenha. Infelizmente ainda não li o livro nem assisti ao filme, mas estão na minha listinha!
    Seguindo aqui.
    Beijos
    Isa
    Verbos Diversos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! ♥ Leia o livro primeiro, tá? O filme é bom mas não é tanto quanto o livro.
      Seja bem vinda =)
      xoxo

      Excluir
  2. Oiii!!
    Adorei esse livro!!Tudo bem que esperava bem mais do filme,mas a história do livro é ótima,com certeza uma das melhores distopias que já li...concordo com você,o Thomas me irrita às vezes kkkkkkkkkkkk
    Beijos!!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie! Tão bom ver alguém que também gosta de Maze Runner *-*
      Pois é, também esperava mais do filme, é aquela velha história "o filme é bom... mas poderia ter sido beeem melhor". hahaha Tive vontade de dar uns tapas na cara do Thomas em algumas cenas do livros -.-

      xoxo

      Excluir

Seu comentário é muito importante, portanto, sinta-se a vontade para me contar o que achou desse post, sempre mantendo respeito e bom senso, é claro.
Os comentários serão respondidos o mais rápido possível.
Lembre-se: espalhe o amor e não spam.
Espero que tenha gostado daqui. Volte sempre! ♥

@rubyane_santos