Resenha: A Menina que Roubava Livros de Markus Zusak

sábado, dezembro 13, 2014

resenha a menina que roubava livros
A Menina que Roubava Livros.
Autor: Markus Zusak.      Editora: Intrínseca.
Páginas: 480.                    Gêneros: Jovem adulto, drama
No Skoob                           Minha Nota: ★★★★★ ♥
Não recomendo para menores de 12 anos.

Eu amo citações que chamam a atenção, então logo de cara esse foi um livro que eu quis ler, mas também deve ter sido o livro que eu mais demorei a ler. Foi quase um ano! Por mais que o livro fosse bom, ele não prendia minha atenção. Mas mesmo assim ele não deixou de ser um dos melhores livros que já li.  

A Menina que Roubava Livros é narrado pela Morte, sim a Morte. A adorável Morte narra a vida de Liesel Meminger entre 1939 a 1943. Filha de uma mãe que era perseguida pelo nazismo Liesel é enviada para uma cidade Alemã onde é adotada por Hans e Rosa Hubermann. No caminho até seu novo lar Liesel rouba o seu primeiro livro, O Manual do Coveiro, mesmo sem saber ler naquele primeiro momento. 

Com o tempo a menina aprende a ler e escrever, graças ao seu pai adotivo. Aprende a amar seus novos pais, a esconder um judeu no porão de casa e que não deve falar que odeia o Führer em publico. Isso tudo com uma guerra acontecendo e livros sendo queimados e roubados. 
resenha a menina que roubava livros
A Menina que Roubava livros tem uma narrativa leve e cheia de spoilers de uma Morte perplexa com a violência e crueldade humana. Ah sim, Morte da vários spoilers, ou melhor, o livro não tem nenhum mistério. Como ela mesma diz, o mistério lhe entedia e da trabalho. Você vai saber o que vai acontecer ao decorrer da história várias páginas antes de tal ato acontecer realmente. 

Markus Zasak soube criar personagens incríveis e coloca-los em 480 páginas de um livro emocionante. Sabe aqueles personagens que de tão reais você consegue imaginar como se fossem seus vizinhos? Todos eles tem um pouco de carisma, alguns são simpáticos, outros mau-humorados. Eles tem seus momentos, como qualquer pessoa.  

A Menina que Roubava Livros é uma história em que você consegue ter uma ideia de como foi dura a vida das pessoas que viveram durante a segunda guerra de uma forma simples e leve. Faz você pensar no assunto.
resenha a menina que roubava livros
"Dizem que a guerra é a melhor amiga da morte, mas devo oferecer-lhe um ponto de vista diferente a esse respeito. Para mim, a guerra é como aquele novo chefe que espera o impossível. Olha por cima do ombro da gente e repete sem parar a mesma coisa: "Apronte logo isso, apronte logo isso." E aí a gente aumenta o trabalho. Faz o que tem que ser feito. Mas o chefe não agradece. Pede mais."
• Uma última nota de sua narradora • Os seres humanos me assombram.

Fica mais um pouco. Talvez goste desses:

4 comentários

  1. Gostava imenso de ler este livro. O filme foi considerado dos piores de 2014, mas já ouvi dizer bem do livro :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme eu não assisti, e também não tenho vontade, mas o livro é muito bom sim. Recomendo :)

      Excluir
  2. adorei sua resenha,isso me de mais vontade de comprar esse livrooo!

    http://delicadinhadelicadete.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amore, fico feliz por isso. Compre o livro sim, vale a pena, depois me fala o que achou dele :)

      Excluir

Seu comentário é muito importante, portanto, sinta-se a vontade para me contar o que achou desse post, sempre mantendo respeito e bom senso, é claro.
Os comentários serão respondidos o mais rápido possível.
Lembre-se: espalhe o amor e não spam.
Espero que tenha gostado daqui. Volte sempre! ♥

@rubyane_santos